Voltar para listagem

Estudo de Caso - Atex


FORMAS PARA LAJE NERVURADA ATEX: rapidez e economia na obra da Petrobras


Com ciclo de concretagem de oito dias, material contribuiu para construção da sede da Petrobras na cidade de Santos

Estudo de Caso: Sede da Petrobras / Santos (SP)




Proprietário da obra: Petrobras
Contratante: Construcap
Local da obra: Santos (SP)
Data da obra: Início: 2012 
Fornecedor: Atex
Produtos: Formas para Lajes Nervuradas 800


 

DESCRIÇÃO DO LOCAL



Edifício sede da Petrobras na cidade de Santos, ao lado do Porto. Constituído por três torres, sua área chega a 160 mil m². A região é marcada por galpões antigos, inclusive alguns são preservados historicamente e ‘tombados’. A geologia e a fundação são complexas; apresentam solos moles que terminam na rocha.


Fonte da imagem: http://www.melhordesantos.com/2011/07/petrobras-inicia-construcao-de-sede-no.html

 


DESAFIO



 “Em razão das alturas piso a piso, a obra necessitava de um pé direito elevado. Exigia, para isso, uma solução estrutural em lajes planas com capacidade para vencer grandes vãos. Outro ponto importante era encontrar um material que permitisse uma redução considerável de custos em aço, concreto e mão de obra sem afetar a qualidade da estrutura”, afirma Virgílio Augusto Ramos, calculista da CEC Cia de Engenharia Civil, responsável técnico pela construção. 

 


 

SOLUÇÃO


As lajes nervuradas da Atex foram escolhidas por apresentarem um volume de concreto bem menor que as lajes maciças, resultando na economia de concreto, aço – inclusive os dos pilares – e fundações, pois o peso próprio da estrutura é menor.


Assim, a empresa forneceu as Formas para Lajes Nervuradas Atex800, com alturas de 200 a 400 mm. E um dos grandes diferenciais foram a diversidade de modelos disponíveis, o pronto atendimento e o apoio técnico junto à construtora.

 “O produto foi escolhido pela eficiência das Lajes Nervuradas. As Formas Atex foram colocadas sobre um escoramento apropriado para o sistema. Detalhe: sem o uso de compensados. Acompanharam travamentos metálicos a partir de um mecanismo que liberou as formas dentro do prazo estipulado, sem afetar as deformações da estrutura e reduzindo o tempo de instalação”, explica Virgílio.

Com um ciclo de concretagem de oito dias, toda a edificação da sede da Petrobras foi concebida em laje plana nervurada – menos a cobertura e as cisternas, que foram com laje e vigas convencionais em função dos empuxos de terra e da laje de subpressão.

O engenheiro também destaca a excelente logística que a Atex proporcionou à obra. “Isso foi um dos pontos mais importantes. Por se tratar de um material alugado, o cliente não tem a obrigação de armazenar o material em obra, retirando apenas a necessidade daquele momento de utilização. Com isso, conseguimos atender os prazos solicitados de entrega com uma programação prévia. Não houve desperdício de material, nenhum resíduo ou lixo que os materiais convencionais costumam gerar”.

Por ser um material modulado, as Formas para Lajes Nervuradas 800 da Atex permitiram agilidade na instalação: bastou encaixá-las sobre o escoramento, seguindo o projeto sem adaptações, e pronto: nenhuma manutenção foi necessária. Além disso, o material de plástico tem ótima qualidade, já que é de fabricação própria da Atex.



“Oferecemos, acima de tudo, qualidade. As lajes estão sendo executadas de maneira racional e produtiva; o engenheiro estrutural com o material da Atex desenvolveu diversas soluções para que a estrutura ficasse mais econômica com menor consumo de concreto e aço. Dessa forma, a construtora teve em suas mãos um material leve e de fácil manuseio, limpo e tecnicamente econômico”, conclui Virgílio.

DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS

Comercializada nas modalidades de locação ou venda, as Formas para Lajes Nervuradas Atex estão disponíveis em mais de 90 modelos com diferentes medidas. Os produtos são autoportantes e dispensam a utilização de compensados de madeira. Isto reduz fortemente a utilização de madeira no canteiro de obras, deixando-o muito mais limpo e produtivo. Depois de três ou quatro dias da concretagem, as formas são removidas, possibilitando o reaproveitamento com grande produtividade. Os produtos se adaptam à maioria dos projetos.

 

FONTE: http://www.aecweb.com.br/atex-do-brasil/especificacao-produtos-fabricantes/empresas/detalhes/3453/20

outras novidades