Home » Cases » Novo Fórum de Itabuna-BA

Novo Fórum de Itabuna-BA


O prédio do novo Fórum de Itabuna situa-se no bairro de Nossa Senhora das Graças e contemplará a execução dos serviços na fração de 2.926,40 m², área que abriga, em seu programa funcional, gabinetes para magistrados, salas para audiências, salas para assessorias, cartório judicial e secretarias, além dos serviços e salas para os órgãos afins da justiça (OAB, Defensoria Pública e Ministério Público).

Implantado em um terreno com declive acentuado, o projeto é distribuído em um edifício de seis pavimentos, sendo três subsolos, um pavimento térreo, pavimento superior e pavimento de cobertura com dois acessos – um para pedestres, visitantes e funcionários, no térreo, e outro acesso secundário de veículos no subsolo 02.Já o novo fórum da cidade de Vitória da Conquista está localizado na Avenida Luís Fernandes de Oliveira, em limite com a Avenida Edmundo Silveira Flores, no loteamento Caminho da Universidade. Conta com a fração de 2.146,41m² de área útil para efeito de cálculos de coeficiente de aproveitamento.

O edifício se desenvolve em três andares, uma laje de cobertura e subsolo com área técnica, estacionamento e acesso privativo para magistrados. O acesso de funcionários e do público acontece no nível térreo, mesmo patamar onde estão os principais serviços de atendimento ao público. Nos pavimentos estão as unidades de justiça com cartórios, salas de audiência, gabinetes e atividades afins.

A solução arquitetônica da edificação propõe a construção em concreto armado utilizando as Lajes Nervuradas Atex-660 moldadas no local, permitindo maiores vãos e futuras readequações, conforme as necessidades do sistema de prestação jurisdicional. Optou-se em deixar toda a estrutura aparente, inclusive as lajes nervuradas, inserindo forros somente nas áreas molhadas e de circulação.

Foram premissas dos projetos potencializar a utilização de luz natural, captação e aproveitamento das águas pluviais e realizar o tratamento adequado das águas servidas por uma pequena estação de tratamento de efluentes (ETE).

O projeto foi desenvolvido pelo escritório baiano Dendê Arquitetura Ltda.

admin
Sobre o autor

E ai, o que você achou?

Deixe o seu comentário!